Como entreter as crianças durante todo o casamento!

Artigo colocado em Copo d'Água, Outros | 0

A quietude e o silêncio não são comportamentos típicos da infância e, por isso mesmo, entreter as crianças em cerimónias não é tarefa fácil. Tanto na cerimónia em si, na igreja ou no civil, como no copo d’água, as crianças precisam de uma ou duas coisas direccionadas para a sua idade.

Até porque, se as convidamos e temos prazer em ter as nossas crianças nos nossos eventos, também é preciso certificar-nos de que elas se divertem e ficam tão felizes por participar como nós por podermos partilhar o dia com todos os nossos familiares e amigos, de todas as idades!

Para começar, vamos pô-las a trabalhar! Ok, calma, não estou a falar em exploração infantil! Mas encarregar os miúdos de algumas tarefas é uma forma de os entreter. A menina das alianças é o exemplo perfeito deste tipo de tarefa! As crianças sentem-se úteis e necessárias e concentram-se na sua participação, não se aborrecendo tão facilmente. Para além da menina das alianças, podem espalhar pétalas na entrada do altar, distribuir o arroz pelos convidados, distribuir as folhinhas da missa (se houverem) pela igreja ou até mesmo ajudar os mais velhos a orientarem-se por aqui ou por ali!

A menina das alianças é apenas o início...
A menina das alianças é apenas o início…

Já no copo d’água, a coisa muda de figura. Depois do trabalho os meninos têm de comer e brincar e divertirem-se à grande. Já há muitos casais que optam por incluir uma pequena zona dedicada às crianças, com um ou dois supervisores, dependendo da quantidade de miúdos e das suas idades.




Se não quiserem deixar os miúdos com encarregados desconhecidos, porque há muitos pais que não gostam de o fazer, podem organizar uma tabela de turnos entre os pais, para acompanharem os meninos, sem que ninguém deixe de desfrutar da festa!

Outras boas opções (algumas já oferecidas pelas quintas onde se organizam muitos casamentos) para entreter as crianças são insufláveis, palhaços e outras animações, jogos tradicionais, bancas de artes manuais e até bares infantis (com gelatina, mousses, batidos e sumos de fruta em copos de shot), por exemplo.

Um cantinho para as crianças pode ser uma coisa simples, que lhes provoque a imaginação!
Um cantinho para as crianças pode ser uma coisa simples, que lhes provoque a imaginação!

Para além destas, há sempre actividades que podem entreter as crianças e os adultos também, como as cabines de fotografia, por exemplo!

Deixa uma resposta


6 + 4 =